TRE-BA inicia plano para retorno gradativo às atividades presenciais

Portaria N.º 222/2020 estabelece diretrizes para a retomada do trabalho presencial de forma segura e gradual, preservando à saúde dos servidores, juízes, colaboradores e eleitores

TREs de mãos limpas contra o Coronavírus.
O desembargador Jatahy Júnior, presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) e do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais (Coptrel), assinou, nesta terça-feira (30/6), a Portaria nº 222/2020, que determina o retorno das atividades na secretaria e nas zonas eleitorais do estado, a partir do próximo dia 13 de julho. O plano que está sendo elaborado pelo Regional prevê a retomada do trabalho presencial de forma segura, gradual, preservando à saúde dos servidores, juízes, colaboradores e eleitores. 
Nesta primeira fase, a retomada ao serviço ocorrerá com o quantitativo mínimo necessário para o funcionamento de cada unidade do Tribunal. Os servidores cumprirão jornada de 6 horas, preferencialmente, em turno matutino, obedecendo às regras de distanciamento social e observadas as boas práticas de higiene necessárias à redução dos riscos de contaminação pelo Coronavírus. 
A segunda etapa do retorno está prevista para o dia 10 de agosto de 2020, exceto para aqueles que se enquadrem no grupo de risco. Já a terceira etapa de retomada do serviço deve acontecer no dia 14 de setembro de 2020 para todo o efetivo do Tribunal. Conforme o normativo, essa última fase está condicionada à avaliação do quadro local da pandemia pelas unidades competentes e, em especial, pelo serviço médico. 
TRE de mãos limpas 
Pensando em preservar a saúde de todos, a Secretaria de Gestão de Pessoas (SGP) elaborou a Cartilha “TRE de Mãos Limpas e Contra o Coronavírus”, com medidas de prevenção para o retorno seguro às atividades. A cartilha alerta sobre os cuidados necessários no ambiente de trabalho, a forma correta de higienizar mãos e máscaras, além de trazer informações importantes sobre o coronavírus. 
Além do distanciamento social de 2 metros e do uso de máscara durante a jornada de trabalho presencial, a cartilha orienta a higienizar periodicamente as mãos e os instrumentos individuais de trabalho, com água e sabão ou álcool em gel; evitar o compartilhamento de objetos pessoais; deixar salas com portas e janelas abertas; priorizar o uso de e-mails e contato telefônico, evitando-se o comparecimento presencial às unidades e ainda manter comportamento amigável, mas sem contato físico. 
A cartilha recomenda ainda a realização de reuniões, preferencialmente, por meio de videoconferência e a utilização dos elevadores uma pessoa por vez e o acesso aos sanitários somente por duas pessoas, simultaneamente. 
Atendimento presencial 
Conforme determina a Portaria Nº 222/2020, o atendimento ao público permanecerá, prioritariamente, à distância (telefone e e-mail). O atendimento presencial será somente para os casos indispensáveis e caberá ao gestor de cada unidade avaliar as situações que demandarão atendimento presencial. 
Vale ressaltar que os advogados e demais habilitados nos autos que desejarem fazer sustentações orais poderão requerer a realização de webconferência ou encaminhar as respectivas sustentações ao e-mail sju-gab@tre-ba.jus.br a contar da data de publicação da pauta até 12 horas antes do horário previsto para o início da sessão de julgamento. O encaminhamento da sustentação por meio eletrônico poderá ser feito em arquivo de texto, áudio ou vídeo, desde que compatível com o sistema PJe, conforme regulamenta a Resolução Administrativa nº 12, de 2 de abril de 2020

/TF

 

Últimas notícias postadas

Recentes

TRE-BA 88 anos: No aniversário do Eleitoral baiano, servidores falam sobre a pluralidade da instituição

A diversidade é uma marca do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, que possui servidores formados nas mais diversas áreas. Na última matéria da série que comemora os 88 anos do Eleitoral baiano, três histórias de servidores ilustram o TRE-BA como uma instituição plural e que também influencia aqueles que já fazem parte dos seus quadros a iniciarem e aprofundarem estudos na área jurídica.