‘Projeto Eleitor do Futuro’ é apresentado a gestores e professores em Inhambupe

‘Projeto Eleitor do Futuro’ é apresentado a gestores e professores em Inhambupe

‘Projeto Eleitor do Futuro’ é apresentado a gestores e professores em Inhambupe

A Escola Judiciária Eleitoral (EJE/BA), unidade do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), engloba mais uma cidade do interior do estado ao ‘Projeto Eleitor do Futuro’: a hospitaleira Inhambupe é a mais nova integrante da lista de municípios baianos. ‘O Eleitor do Futuro’, idealizado em 2002 pela Corregedoria do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), é uma proposta de cunho educacional já consolidada em Salvador, que objetiva fomentar o debate sobre democracia e política no ambiente escolar, a fim de preparar o jovem para o voto consciente. 

No processo de interiorização do ‘Eleitor do Futuro’ essa foi a primeira vez que o projeto chegou a uma localidade por iniciativa de um cartório eleitoral. Localizada a cerca de 165 km de Salvador, Inhambupe é sede da 44ª Zona Eleitoral (ZE), com 25.572 eleitores cadastrados. Por intermédio do chefe do cartório, Pitácaro Suzart, a secretaria de educação foi contatada, sendo selecionadas 10 escolas para início dos trabalhos no município (5 escolas serão participantes neste ano, e 5 em 2018). Os próximos passos dados pela ZE em prol do ‘Eleitor do Futuro’ serão: a visita a mais duas escolas com distribuição do material para apoio às dinâmicas, o acompanhamento do desenvolvimento do projeto e do envio dos relatórios de atividades pelos colégios. 

Na última quinta-feira (31), foi promovida reunião na Câmara Municipal de Inhambupe para apresentação do ‘Projeto Eleitor do Futuro’ aos professores, coordenadores e gestores dos colégios da cidade, totalizando 42 pessoas. Essa primeira aproximação entre a Justiça Eleitoral e os representantes das escolas municipais é de fundamental importância, uma vez que os educadores atuarão como multiplicadores da proposta. Também estiveram presentes ao encontro, o juiz da 44ª Zona Eleitoral, Leonardo Carvalho Tenório de Albuquerque, a secretária de educação do município, Genaide Azevedo Ramos Silva, a vice-prefeita Maria Izabel Silva, dentre outras autoridades. 

A Escola Judiciária Eleitoral da Bahia viabiliza o engajamento da Justiça Eleitoral na área da educação no estado, contribuindo para o fortalecimento da democracia. “Esse projeto traz para as salas de aula uma discussão de muita relevância, o debate sobre política com os mais jovens. A juventude precisa enxergar a política de uma forma mais ampla e racional, não somente partidária ou apaixonada. A proposta é de educação cívica, educação para a cidadania, através da aquisição de conhecimentos, troca de informações, debate sobre a realidade social em ambiente escolar”, pontuou o juiz da 44ª ZE, Leonardo Albuquerque. 

O ‘Eleitor do Futuro’ vem sendo intensificado na Bahia desde 2014 e, do princípio desse ano, no interior do estado. A ação contínua garante o sucesso do projeto em larga escala; professores e gestores são parceiros da Justiça Eleitoral nessa empreitada. A secretária de educação, Genaide Ramos, manifestou grande interesse das escolas do município de participarem do processo: “Agradeço o apoio da EJE/BA na educação de nossos jovens, e conclamo todos os educadores a abraçarmos a ideia, trabalhando interdisciplinarmente os temas do ‘Eleitor do Futuro’. Às vezes as oportunidades são únicas e não podemos deixar passar. Vamos nos empenhar e fazer brilhar esse trabalho aqui em Inhambupe!”

DS

Últimas notícias postadas

Recentes