Episódio do Podcast "Voz e Vez da Juventude" de perguntas e respostas possibilita a interação de estudantes na atividade promovida pela EJE-BA

Participaram enviando perguntas 73 estudantes do ensino fundamental II e médio de escolas de Salvador e do interior do estado

TRE-BA arte podcst Voz e Vez da Juventude

No quarto episódio da série “Podcast Voz e Vez da Juventude”, correspondente à “Perguntas e Respostas”, as duas convidadas que explanaram no primeiro e no terceiro podcasts e o representante do convidado que explanou no segundo responderam a perguntas formuladas por estudantes e selecionadas pela equipe da Seção de Programas Institucionais (SEPRI) da Escola Judiciária Eleitoral da Bahia (EJE-BA). 

O primeiro episódio teve como tema “Política para jovens e pelos jovens”, explanado pela vereadora do município de Várzea da Roça, Talyta Trindade Oliveira, eleita com 18 anos de idade. 

“Participação ativa da juventude na política”, foi o tema do segundo episódio, que contou com a participação o prefeito do município de Tucano, Ricardo Maia Filho, eleito com 21 anos de idade. 

O tema do terceiro episódio foi “A participação feminina no processo democrático”, tratado pela estudante baiana de Direito da Universidade de São Paulo (USP) e participante do Programa Parlamento Jovem, promovido pela Câmara de Deputados, em 2019, Maria Antônia Dezidério. 

Participaram enviando perguntas 73 estudantes do ensino fundamental II e médio de escolas de Salvador e do interior do estado. Foram selecionadas 8 perguntas para o episódio, considerando a pertinência temática, objetividade e criatividade. 

Uma das perguntas selecionadas foi a do estudante Ryan Silva, aluno do 9º ano da Escola Municipal Amélia Rodrigues em Salvador: “quais valores e ideias devem ser exercidos na política?”. 

Já a aluna do primeiro ano do ensino médio do Colégio Estadual Suzana Bomfim Araújo, em Muquém do São Francisco, Iris Santos Machado, questionou “o que é preciso para que seja realmente garantida a igualdade entre homens e mulheres nos espaços de poder, e quanto tempo ainda vamos ter que esperar para vivenciar esse fato?” 

A professora de língua portuguesa da Escola Municipal 2 de Julho em Salvador, Isabela Guimarães Nascimento, incentivou a participação dos seus alunos na atividade proposta e disse que “oferecer aos estudantes um espaço de reflexões e questionamentos é fundamental. Utilizar ferramentas de mídia, como o Podcast, aproxima ainda mais os estudantes de conteúdos que permeiam o seu cotidiano. De forma lúdica e crítica, encontram espaços de escuta e voz.” 

O vice-diretor do Colégio Estadual Mestre Paulo dos Anjos, Fernando Lima, pontuou que "o podcast é uma ferramenta tecnológica e atual para a juventude se expressar e questionar os políticos jovens com o objetivo de provocar uma política que beneficia a coletividade e não o individualismo". 

Jaciara Ferreira dos Santos, professora de ensino religioso da Escola Comendador Bernardo Martins Catharino - SESI Itapagipe, sinalizou que "nossos adolescentes têm que ter acesso a exemplos que as possibilite encontrar a si mesmas representadas. E, a nós, enquanto educadores, cabe criar possibilidades para que esta visibilidade e reconhecimento chegue às nossas salas de aula. Faz-se necessário mesmo, focar em narrativas como as falas do projeto Voz e Vez da Juventude, foi de grande valia a participação dos estudantes da Escola Sesi Itapagipe neste processo. Parabenizo a equipe de produção pelo belíssimo trabalho".

 

5º episódio 

Na próxima semana será publicado o quinto episódio com o tema “Estatuto da juventude: relevância e efetividade”, explanado pela doutora Severine Macedo, que já ocupou o cargo de Secretária Nacional de Juventude da Secretaria Geral da Presidência da República, de 2011 a 2014, e atualmente ocupa o cargo de Subsecretária de Avaliação de Políticas Públicas e Gestão da Informação da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão na Prefeitura de Niterói, no Rio de Janeiro. 

Os episódios estão disponíveis no portal da EJE-BA (https://eje.tre-ba.jus.br), na aba “Programas de Cidadania”.

 

Texto: EJE-BA

 Pra cego ver: Card com fundo claro, escrito no meio nas cores azul e verde: podcast VOZ & VEZ da juventude.

 

ícone mapa

Endereço e telefones do tribunal.

1ª Av. do Centro Administrativo da Bahia, 150 - CAB, Salvador-BA - CEP: 41.745-901 - Brasil
CNPJ: 05.967.350/0001-45

 

 

Ícone Protocolo Administrativo
Central Telefônica - Tel: +55 (71) 3373-7000 | Recepção: (71) 3373-7094
Fax do Protocolo da Secretaria: +55 (71) 3373-7220 / 3373-7329 
 Fax do Protocolo dos Cartórios (Salvador): +55 (71) 3373-7372
Ícone horário de funcionamento dos protocolos

Secretaria, seu Protocolo, Cartórios da Capital: Segunda a quinta-feira - 13h às 18h; Sexta-feira - 8h às 13h

Central de Atendimento e Protocolo dos Cartórios: Segunda a sexta-feira - 8h às 18h

Consulte outras unidades

Acesso rápido